Blog Coagrosol

Fábrica própria: uma grande conquista em cooperativa

escrito em 5 de November de 2018

Blog Coagrosol

A Coagrosol atua no mercado de sucos há mais de dezoito anos e sempre utilizou empresas terceiras para realizar o processamento de suas frutas. Depois de muito estudo e planejamento, essa realidade está prestes a mudar.


“A cooperativa tem nichos de mercado específicos e, em muitos casos, indústrias terceirizadas não querem se adequar as normas de comércio internacional na qual operamos e isso nos limita.  Assim, entendemos que era o momento de batalharmos por nossa própria planta certificada para processamento das frutas da cooperativa”, explica Antônio Ângelo Sgarbi, presidente da Coagrosol.


         Foram três anos entre o início do planejamento e o início das obras, algo impensável há alguns anos para um grupo pequeno de produtores, mas, com muita organização e perseverança, o sonho tem se tornado realidade.


         “Representa um avanço imenso para a cooperativa, chegamos à conclusão que o valor que pagávamos em processamento poderia ser revertido para pagar o financiamento da nossa própria indústria, com a vantagem de ficarmos com os subprodutos e agora sermos nós, os prestadores de serviços a outras cooperativas ou empresas”, explica Antônio, que complementa; “Tivemos muitas pessoas envolvidas na idealização desse projeto que hoje já está com os prédios praticamente prontos, esperando a montagem dos equipamentos”.



         A previsão para a entrega da planta e início dos testes é março de 2019, a fim de que as frutas da próxima safra já sejam processadas na indústria da própria cooperativa.


         “A projeção inicial é processar um milhão de caixas de frutas, mas a fábrica foi projetada em módulos e pode ser ampliada, dobrando sua capacidade. Em um primeiro momento, gerará em torno de 50 a 60 novos empregos”, diz o presidente.



         A nova conquista da Coagrosol vem para fortalecer ainda mais a ideia do cooperativismo, de como juntos somos mais fortes e podemos ir além. A cooperativa está sempre aberta a novos membros, se você produz laranja, limão, goiaba ou manga, pode ir conhecer mais o trabalho desenvolvido e se associar.